sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

sonho

enquanto durmo, sonho.



meu sonho é vc


entre os laços que nos cercam, o emaranhado da vida.


não acordo, nunca


enquanto o sonho produz o descanso


descanso em saber da essência que nos une.


uma fortaleza suave como a brisa,


forte como a tromba d’água deslizante


que percorre a distância perfeita.


A perfeição é somente isso:


as marcas que ficam, para sempre.


Nada para mudar, posso até acordar


e sonhar...


it’s Love!